Todos os Direitos Reservados www.amigosdecambara.com.br 2014

Chuvas fortes comprometem abastecimento em diversas regiões do Paraná

Agência Estadual de Notícias dta:09/06/2014


O fim de semana com chuvas fortes e contínuas em diversas regiões do Estado elevaram o nível do volume de água, comprometendo o abastecimento. Em Cascavel, houve enchente na área de captação do Rio Cascavel, a água ultrapassou os diques de contenção e inundou todos os equipamentos que coletam e bombeiam a água, paralisando o processo de produção e de distribuição de água para 70% dos moradores da área urbana. A previsão é de que o reabastecimento aconteça assim que diminua o volume de chuvas e o sistema possa voltar a operar. Equipes da Sanepar estão prontas para atuar a qualquer momento para normalizar a produção de água em todo o Estado

Para retomar o processo de captação de água é necessário aguardar até que o volume de água do manancial baixe. Em Cascavel, será necessário fazer a secagem das bombas, motores e demais equipamentos para então poder colocá-los em operação novamente. Por esta razão, ainda não há previsão para normalização do abastecimento.

Além de Cascavel, os processos de captação, tratamento e distribuição de água estão paralisados em mais seis cidades da Região Oeste: Boa Vista da Aparecida, Campo Bonito, Capitão Leônidas Marques, Diamante do Sul, Ibiracema e Três Barras do Paraná.

Em Campo Bonito e Diamante do Sul os sistemas estão sem energia e os equipamentos de bombeamento dos poços estão submersos. Capitão Leônidas Marques está com a produção de água paralisada deste o sábado (7) porque os sistemas de bombeamento e recalque de água também estão inundados.

No sistema de Boa Vista da Aparecida todos os equipamentos da casa de bombas e os quadros de comandos da Estação de Tratamento de Água da cidade estão debaixo de água. Em Três Barras do Paraná os equipamentos de bombeamento da captação do rio Trigolândia estão cobertos pela água. E Ibiracema está sendo abastecida com caminhão-pipa, pois as chuvas causaram danos operacionais no sistema.

As equipes da Sanepar estão monitorando a situação permanentemente, mas não há previsão de normalização em nenhuma das cidades. Os sistemas só poderão voltar a operar quando a água baixar e os equipamentos estiverem secos e recuperados.

Também tiveram problemas no abastecimento, por causa das chuvas, as cidades de Maringá, Cianorte, Umuarama, Irati, Campo Largo, Lapa, Malet, Ivaiporã, Cruz Machado, Rio Azul, Campo do Tenente, Iporã, Assis Chateaubriand e Diamante do Oeste.
AENotícias


Estado de emergência

Em Guarapuava, onde foi decretado, na manhã deste domingo (8), estado de emergência devido às fortes chuvas, a captação de água foi inundada, o acesso ao local está interrompido e a população está desabastecida. Para garantir o atendimento a hospitais, postos 24 horas, penitenciária e delegacia, a Sanepar fará o abastecimento por caminhão-pipa. Em Palmeirinha, distrito de Guarapuava, o poço está com problemas e a população também enfrenta o desabastecimento de água. "Esta é a pior enchente ocorrida na captação de água em Guarapuava", afirma o gerente regional da Sanepar, João Edson de Lima. Ele lembra ainda que, em situações como esta, é essencial que a população colabore, utilizando a água com racionalidade, evitando desperdícios.

A população de Turvo, Nova Laranjeiras, Quedas do Iguaçu, Candói e Virmond tiveram as estações de captação inundadas e o abastecimento afetado. Se as chuvas persistirem, permanecerá a situação de desabastecimento por todo o domingo (8). Em Pinhão, ocorre turbidez elevada e, por isso, a população não está sendo abastecida até o final da manhã de domingo (8), período em que o sistema de abastecimento de Laranjeiras do Sul, interrompido desde sábado (7), voltou a operar. No sábado, também tiveram problemas no abastecimento as cidades de Candói, Rio Bonito do Iguaçu, onde os sistemas já voltaram a funcionar.

O Serviço de Atendimento ao Cliente Sanepar é feito pelo telefone 115, que funciona 24 horas. Ao ligar, tenha em mãos a conta de água ou o número de sua matrícula.